19/12/2019 às 15:38

Índice de Consumo das Famílias fluminenses registra novo aumento no estado do Rio de Janeiro

O IFec RJ espera crescimento do índice para o mês de dezembro.
Freepik O IFec RJ espera crescimento do índice para o mês de dezembro.

O Índice de Consumo das Famílias (ICF - RJ) registrou aumento de 4,6 pontos no monitoramento de novembro deste ano frente ao mês anterior, e atingiu 87,9 pontos. É o melhor valor para o mês desde 2014.

O crescimento do índice reflete o bom desempenho recente da economia do estado do Rio de Janeiro. O IBCR-RJ registrou, no trimestre encerrado em setembro, crescimento igual a 2,1%, frente ao trimestre imediatamente anterior, melhor resultado da série no mesmo índice. Existem razões para acreditar que a performance da atividade nos últimos três meses do ano será ainda melhor. Isto se deve a maturação das medidas de estímulo ao consumo tomadas pelo governo. Como, por exemplo: a liberação dos recursos do FGTS e a redução da taxa de juros.

O indicador Momento para Duráveis permanece ainda como grupo que mais contribui para que o índice se mantenha abaixo do patamar de satisfação (inferior a 100 pontos). No entanto, foi o item que registrou a segunda maior variação na passagem entre outubro e novembro (de 55,8 para 62,1), influenciado pela redução da taxa de juros e pela ampliação do prazo médio das novas concessões de crédito.

O IFec RJ espera crescimento do índice para o mês de dezembro. Ainda devem contribuir positivamente para o bom resultado a liberação dos recursos do PIS-PASEP e FGTS, bem como os efeitos ampliados do relaxamento da política monetária, iniciado no final de julho.

Indicadores do ICF

O gráfico decompõe a variação do índice nos seus sete indicadores. Em novembro, todos apresentaram variação positiva, com destaque para Perspectiva de Consumo, que pode estar captando a confiança das famílias na evolução da economia carioca.