31/07/2018 às 11:53 - Atualizado em 25/09/2018 às 12:02

Fecomércio RJ abraça Cristo Redentor

Fecomércio RJ abraça Cristo Redentor
Fecomércio RJ abraça Cristo Redentor

A Federação de Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Rio de Janeiro – Fecomércio RJ e a Mitra Arquiepiscopal do Rio de Janeiro assinaram, nesta segunda-feira (dia 30), um convênio de parceria e cooperação com vistas a promover o Santuário do Cristo Redentor do Corcovado e seu Monumento ao Cristo Redentor, e com isso melhorar o turismo e o ambiente de negócios na cidade e no Estado do Rio de Janeiro. 
 
“Precisamos resgatar o sentimento de pertencimento do carioca. O Rio de Janeiro é nosso. Não há símbolo maior desta cidade do que este monumento”, destaca o presidente da Fecomércio RJ, Antonio Florêncio de Queiroz Junior. 
 
A ação foi capitaneada pelo Cônego Marcos William Bernardo, Vigário Episcopal para Comunicação e Cultura da Arquidiocese, que valoriza a iniciativa. "Vejo com grande alegria a parceria entre a Fecomércio RJ e o Cristo Redentor. É um ato de comprometimento com o que é nosso, que supera uma parceria entre a Igreja e uma instituição voltada para o comércio, mas é um contrato com a sociedade. Nós acreditamos que, por meio dessas relações, nós podemos deixar claro que o nosso Rio de Janeiro tem condições de superar os momentos críticos.” 
 
Ele destacou também os benefícios sociais da parceria: “Além do monumento ao Cristo Redentor, serão beneficiadas famílias, muitas pessoas que através das ações sociais terão a experiência de resgate de sua cidadania. Estamos muito felizes com assinatura desse convênio entre o Cristo Redentor e a Fecomércio RJ, esperamos que ela dure por muitos anos e que outras empresas possam se sentir estimuladas a também serem Amigas do Cristo Redentor", concluiu o Cônego. 
 
A iniciativa faz parte do programa Empresas Apoiadoras do Cristo Redentor, que teve início em 2013 com o objetivo de motivar o apoio de instituições públicas e privadas para a manutenção, restauração, iluminação interna e externa do monumento, e até mesmo a viabilização de obras sociais.

01_convenio_cristo.jpg